Rolling Stones sacodem Los Angeles, mas só após corte nos preços

sábado, 4 de maio de 2013 13:20 BRT
 

LOS ANGELES, 4 Mai (Reuters) - Os Rolling Stones sacudiram uma lotada casa de espetáculos em Los Angeles na sexta-feira, na noite de abertura da turnê "50 and Counting" pela América do Norte, mas apenas depois de websites terem derrubado o preço dos ingressos e a banda anunciado entradas baratas pouco antes da apresentação.

A turnê, com 17 datas, é a maior dos roqueiros britânicos nos últimos seis anos e ocorre após apresentações em Londres, Paris e Nova York no final de 2012, marcando os 50 anos desde a chegada deles ao estrelado, no Marquee Club de Londres, em 1962.

"Tocamos pela primeira vez em L.A. em 1965. Obrigado por virem. Realmente gostamos demais", afirmou o vocalista Mick Jagger durante o show no Staples Center.

O cantor de 69 anos desfilou seu tradicional estilo e levantou o público com clássicos como "Gimme Shelter,", "Paint it Black" e "Jumpin' Jack Flash".

Celebridades como Jack Nicholson e Melanie Griffith estiveram no show, que também teve performances de Gwen Stefani, com "Wild Horses", e Keith Urban, com "Respectable".

Dias antes da apresentação, centenas de ingressos ainda estavam disponíveis para compra. Eles só foram adquiridos quando houve um corte dos preços originais, que variavam de 250 a 600 dólares, o que irou até o mais fanático fã dos Stones.

A banda também colocou à venda entradas por 85 dólares em seu site oficial nesta semana.

(Reportagem de Susan Zeidler)

 
Mick Jagger canta em show dos Rolling Stones em Los Angeles na sexta-feira. REUTERS/Mario Anzuoni