Diretor de "Jornada nas Estrelas" quer conquistar fãs além da ficção científica

terça-feira, 7 de maio de 2013 15:07 BRT
 

Por Belinda Goldsmith

LONDRES (Reuters) - O diretor J.J. Abrams espera convencer os fãs de cinema que não são aficcionados por ficção científica a ir audaciosamente onde jamais estiveram e abraçar o novo filme da série "Jornada nas Estrelas", franquia geralmente reservada aos apaixonados pelo gênero.

Homem por trás das séries de TV "cult" "Alias" e "Lost", Abrams disse à Reuters que inicialmente hesitou quando foi convidado para dirigir "Jornada nas Estrelas", cujas sequências de 1998 e 2002 não conseguiram atrair grande público.

Ele então ele pensou numa forma de fazer com que o filme seja atrativo para uma audiência mais ampla, deixando de lado seu legado e se concentrando mais no drama.

Sua primeira tentativa de "reiniciar" a franquia com o filme de 2009 foi um sucesso, embora analistas tenham ficado frustrados com as vendas de bilheteria no exterior de cerca de 130 milhões de dólares.

Agora ele espera ir além com a sequência em 3D "Além da Escuridão - Star Trek 3", o 12º da série que estreia na Grã-Bretanha em 9 de maio e nos Estados Unidos no dia 17 de maio.

"A ideia era fazer um filme que trabalhe bem em seus próprios termos... Isso não tinha a intenção de ser uma piada interna. Isso é para os fãs de cinema e não só para os fãs de 'Jornada nas Estrelas'", disse.

A trama se concentra nas emoções e dilemas morais da tripulação da nave Enterprise para fazer "um thriller de ação e aventura... um pouco mais visceral e empolgante", disse.