Macaco "Mally", de Justin Bieber, vira propriedade da Alemanha

terça-feira, 21 de maio de 2013 11:44 BRT
 

21 Mai (Reuters) - Um macaco que pertencia ao popstar Justin Bieber tornou-se propriedade nacional alemã, uma vez que o cantor não forneceu às autoridades documentos necessários para recuperar o animal capturado por funcionários aduaneiros.

Bieber teve até sexta-feira para entregar a documentação necessária, que incluía certificados de proteção de espécies e de saúde, depois que "Mally" foi confiscado no aeroporto de Munique, em março, enquanto o cantor estava em turnê.

Judith Brettmeister, porta-voz do abrigo que já cuidou de Mally desde então, disse que o cantor de 19 anos não fez contato nem entregou nenhum documento, por isso já não poderia recuperar o animal.

"O macaco pertence à Alemanha agora", disse ela, acrescentando que o Gabinete Federal da Alemanha para a Conservação da Natureza vai colocá-lo para viver com um grupo de macacos, embora ela não sabia onde.

"Esperamos que seja o mais breve possível, porque o macaco precisa ser integrado em breve. Está ficando muito estranho, porque ele só conhece pessoas e não tem conhecimento de qualquer comportamento social adequado", disse Judith Brettmeister, acrescentando que, apesar disso, o macaco está bem.

(Reportagem de Michelle Martin)

 
Mally, o macaco de estimação do cantor canadense Justin Bieber, em um abrigo para animais em Munique, 2 de abril de 2013. O macaco que pertencia ao popstar Justin Bieber tornou-se propriedade nacional alemã, uma vez que o cantor não forneceu às autoridades documentos necessários para recuperar o animal capturado por funcionários aduaneiros. 02/04/2013 REUTERS/Michaela Rehle