Bradley Cooper volta à série "Se Beber Não Case"

quinta-feira, 23 de maio de 2013 12:01 BRT
 

Por Piya Sinha-Roy

LOS ANGELES, 23 Mai (Reuters) - Após anos lutando para trocar a televisão pelo cinema, Bradley Cooper conseguiu ser reconhecido como um artista da tela grande. Ele agora está de volta à série cômica "Se Beber Não Case", que fez sua popularidade disparar depois de papéis mais dramáticos que lhe renderam uma indicação ao Oscar.

Cooper, de 38 anos, faz televisão desde 1999, e já havia conseguido alguns papéis de coadjuvante no cinema. Mas só ao ser escalado para viver o arrogante Phil no primeiro "Se Beber...", de 2009, ele se tornou um ator popular.

O filme, sobre quatro amigos que tentam remontar os fatos de uma louca despedida de solteiro em Las Vegas, se tornou um improvável sucesso, arrecadando mais de 467 milhões de dólares nas bilheterias mundiais.

A trama, transportada para a Tailândia, se repetiu em "Se Beber Não Case 2", e na sexta-feira chega aos cinemas o terceiro e último episódio, novamente em Las Vegas, desta vez se envolvendo em uma caçada o excêntrico sr. Chow (Ken Jeong).

"Realmente não deixávamos passar um dia sem levar em conta o que temos por causa desses filmes, e como nosso vínculo é especial", disse Cooper à Reuters. "É realmente uma coisa única na vida, e poder fazer um terceiro e sair sabendo que acabou, tomara que saiamos em alta."

 
Ator Bradley Cooper chega para estreia europeia do filme "Se Beber, Não Case! Parte III" no Empire Cinema, no centro de Londres, 22 de maio de 2013. Após anos lutando para trocar a televisão pelo cinema, Cooper conseguiu ser reconhecido como um artista da tela grande. Ele agora está de volta à série cômica "Se Beber Não Case", que fez sua popularidade disparar depois de papéis mais dramáticos que lhe renderam uma indicação ao Oscar. 23/05/2013 REUTERS/Luke MacGregor