Venezuela encontra avião desaparecido de executivo da moda italiana

quinta-feira, 27 de junho de 2013 12:44 BRT
 

CARACAS, 27 Jun (Reuters) - A Venezuela disse nesta quinta-feira que encontrou o avião do executivo italiano do setor de moda Vittorio Missoni, que havia desaparecido depois de decolar do arquipélago de Los Roques, no Caribe, seis meses atrás.

A pequena aeronave bimotor, que levava Missoni, de 58 anos, sua esposa Maurizia Castiglioni, outro casal, uma tripulação venezuelana e o piloto, desapareceu depois de decolar em 4 de janeiro.

"O avião que caiu em 4 de janeiro apareceu", disse o porta-voz do ministro do Interior, Jorge Galindo, confirmando depois para a Reuters que era o avião de Missoni.

Galindo não deu detalhes do local nem do estado do avião.

Anteriormente neste ano, a agência para a segurança de voo da Itália, ANSV, disse que sua investigação havia descoberto que a companhia aérea dona do avião não tinha licença para operar e que a licença do piloto tinha expirado mais de um mês antes do voo.

Missoni era o filho mais velho dos fundadores da marca famosa por seus tricôs exuberantemente coloridos, exibindo ousadas listas e ziguezagues. Ele era o coproprietário da marca, com os irmãos Luca e Angela, responsáveis pela área técnica e de design da empresa.

(Reportagem de Mario Naranjo e Carlos Rawlins)