"Universidade Monstros" bate comédia "The Heat" nas bilheterias

domingo, 30 de junho de 2013 17:11 BRT
 

Por Lisa Richwine e Chris Michaud

30 Jun (Reuters) - A animação "Universidade Monstros" obteve uma conquista na bilheteria dos Estados Unidos e do Canadá neste final de semana ao faturar 46,2 milhões de dólares, mantendo distância para a estreia badalada da comédia de temática feminina "The Heat", com Sandra Bullock e Melissa McCarthy.

Superando projeções da indústria, "The Heat" abocanhou 40 milhões de dólares entre sexta-feira e domingo e terminou em segundo lugar, de acordo com estimativas dos estúdios.

Com grande orçamento e recheado de explosões, "White House Down" ficou aquém da expectativa, fazendo 25,7 milhões de dólares em seus três primeiros dias, encerrando o final de semana na quarta colocação. No filme, Channing Tatum é um aspirante a agente do Serviço Secreto que tem que proteger o presidente, interpretado por Jamie Foxx, enquanto Washington sofre ataques, incluindo a Casa Branca do título original.

Previsões de Hollywood apontavam que cada um dos novos filmes levantaria pelo menos 30 milhões de dólares ao longo do fim de semana.

O suspense zumbi "Guerra Mundial Z", estrelando Brad Pitt como um ex-especialista em crises da ONU lutando contra os mortos-vivos, escorregou só uma posição e ficou em terceiro em sua segunda semana de lançamento, arrecadando 29,8 milhões de dólares no final de semana na América do Norte, elevando seu total global para 259 milhões de dólares.

As famílias mantiveram "Universidade Monstros" no topo das bilheterias após uma grande estreia uma semana atrás, quando se tornou o 14º filme consecutivo da Walt Disney Co's Pixar a estrear em primeiro lugar nas salas norte-americanas. Somada às vendas globais, a marca do filme até este domingo ultrapassou os 300 milhões de dólares, diz a Disney.

A animação traz as vozes de Billy Crystal e John Goodman como monstros que são reprovados no assustador curso da faculdade.

A comédia adulta "The Heat" ofereceu uma alternativa aos filmes dirigidos às famílias e aos de ação orientados aos homens. Nele, Bullock é uma agente rigorosa do FBI que faz dupla com uma policial agressiva e escandalosa, papel de McCarthy, com a missão de derrubar o chefe de um cartel de drogas. O filme foi produzido com a soma de 40 milhões de dólares.

Na quinta posição, o "Homem de Aço" levou 20,8 milhões de dólares nas bilheterias de EUA e Canadá em seu terceiro final de semana, elevando o total local para quase 250 milhões de dólares e 520 milhões de dólares ao redor do mundo.