Overdose matou rapper Chris Kelly, ex-Kriss Kross, dizem autoridades

terça-feira, 2 de julho de 2013 18:50 BRT
 

Por David Beasley

ATLANTA, 2 Jul (Reuters) - Chris "Mac Daddy" Kelly, que participou na década de 1990 da dupla adolescente de rappers Kris Kross, morreu por causa de uma overdose, segundo laudos toxicológicos divulgados na terça-feira. O músico morreu em maio, aos 34 anos.

Mary Beth Hauptle, investigadora do departamento médico-legal do condado Fulton, em Atlanta, entregou os resultados dos exames à Reuters, mas não identificou a droga que ele usou.

Um amigo disse à polícia que Kelly misturou heroína e cocaína na noite em que foi achado inconsciente na sua casa, segundo boletim de ocorrência. Ele morreu três horas depois, no hospital. Desde o começo da investigação, a polícia já trabalhava com a hipótese de overdose.

Kelly usava o nome artístico de "Mac Daddy" na época do Kriss Kross, em parceria com Chris Smith, o "Daddy Mac". Em 1992, quando os dois músicos tinham 13 anos, eles lideraram as paradas musicais dos EUA com o single "Jump".