ESTREIA-Documentário "This is us: One Direction" é feito para fãs da banda

quinta-feira, 5 de setembro de 2013 17:15 BRT
 

SÃO PAULO, 5 Set (Reuters) - "Boy Band" da vez, a anglo-irlandesa One Direction é tema do documentário "One Direction: This is us", que abriu em 1º lugar nas bilheterias dos Estados Unidos no final de semana passado, e agora chega ao Brasil.

Dirigido por Morga Spurlock, que ficou famoso com um documentário sobre o McDonalds ("Super Size Me"), o longa é para fãs da banda - e não faz a menor questão de esconder isso. Melhor assim, deixa claro a que veio e não se traveste de analise sociológica de fenômeno cultural. Nesse sentido, o filme cumpre o que promete.

O ‘this is us' do título explicita que o longa irá mostrar o dia-a-dia do grupo composto por Niall Horan, Zayn Malik, Liam Payne, Harry Styles e Louis Tomlinson, cujas idades variam entre 19 e 21 anos.

One Direction foi formado em 2010, quando os rapazes participavam de um programa de televisão na Inglaterra - o X Factor, uma espécie de caça-talentos musical. Embora tenham ficado em 3º lugar, assinaram um contrato com uma gravadora e ficaram famosos no mundo inteiro, sendo a primeira banda inglesa a conseguir o topo de vendas nos EUA com um álbum de estreia.

A banda, certamente, é um fenômeno de nossos tempos - assim como seu sucesso, que deve muito às redes sociais. No filme, o que vale mais são as cenas de bastidores do que aquilo que se vê no palco, já conhecido e facilmente encontrado na Internet. O que o diretor tenta fazer é mostrar que essa não é apenas mais uma banda pré-fabricada - aliás, com a assinatura de Simon Cowell, executivo e produtor de televisão, entre outras coisas.

O longa é estruturado por uma apresentação filmada em Londres, mas traz também cenas de diversos shows da turnê 2012/2013, e o efeito 3D ajuda essas cenas a ficarem mais interessantes.

Spurlock, por sua vez, entrecorta o filme com digressões que tentam fugir à formula, como um neurocientista falando dos efeitos de um concerto de música no cérebro de uma pessoa, ou mesmo quando os garotos entrevistam uns aos outros.

Garotas com gritos estridentes, rapazes sem camisa, Cristiano Ronaldo e Martin Scorsese são alguns dos personagens vistos na tela. Embora alguns já tenham comparado One Direction aos Beatles, "This is us" não é a "Hard day's night" - aliás, passa longe, e dado o histórico de Spurlock, poderia se esperar algo além da mera idolatria. Mas, no fundo, ele sabe: esse filme é para fãs.

(Por Alysson Oliveira, do Cineweb)

* As opiniões expressas são responsabilidade do Cineweb