Jovem rouba parte de Porsche envolvido em acidente que matou Paul Walker

sexta-feira, 6 de dezembro de 2013 19:08 BRST
 

6 Dez (Reuters) - Um jovem de 18 anos foi preso sob a acusação de ter roubado um painel do teto do Porsche destruído no acidente que matou o ator de "Velozes e Furiosos" Paul Walker, informaram autoridades policiais de Los Angeles nesta sexta-feira.

Jameson Witty foi preso em casa, em Los Angeles, na quinta-feira, e um segundo suspeito esta prestes a se entregar, disseram as autoridades.

No dia do acidente, em 30 de novembro, alguém usando a identificação de "jamesonwitty" postou no aplicativo Instagram fotos de uma parte do teto de um Porsche vermelho e escreveu: "Pedaço do carro de Paul Walker, tirei de um caminhão de reboque em um semáforo".

Não ficou imediatamente claro se as fotos era verdadeiras, mas assistentes do xerife prenderam Witty após uma busca em sua casa.

Walker, de 40 anos, era passageiro do Porsche envolvido no acidente em Santa Clara, Califórnia, a noroeste de Los Angeles. O motorista Roger Rodas, de 38 anos, também morreu no desastre de automóvel do feriado de Ação de Graças.

O Instituto Médico Legal (IML) disse que a morte de Walker resultou de "lesões traumáticas e térmicas". Embora o médico-legista não tenha dado mais detalhes, lesões térmicas estão relacionadas com o calor e são, normalmente, queimaduras.

O acidente levou a Universal Pictures a suspender a produção do sétimo filme da sua lucrativa franquia.

Investigadores continuam a procurar a causa do acidente que envolveu apenas o carro.

(Reportagem Sharon Bernstein)