Justin Bieber é preso por dirigir embriagado e em alta velocidade nos EUA

quinta-feira, 23 de janeiro de 2014 21:43 BRST
 

Por Zachary Fagenson

MIAMI BEACH, 23 Jan (Reuters) - O cantor pop canadense Justin Bieber foi preso em Miami Beach, nos Estados Unidos, na madrugada desta quinta-feira sob a acusação de dirigir alcoolizado, depois de ter sido pego participando de um "racha" com uma Lamborghini amarela alugada, afirmou a polícia.

O artista de 19 anos inicialmente resistiu à prisão, praguejou contra os policiais e depois assumiu que havia consumido bebida alcoólica, maconha e medicamentos controlados, segundo a polícia. Um juiz fixou sua fiança em 2.500 dólares.

Ele foi liberado mais tarde e escoltado da prisão por agentes penitenciários. Vestindo um capuz e óculos escuros, Bieber subiu no teto de um carro que o esperava e acenou para os fãs.

"Ele é tudo para mim", disse Amanda Pérez, uma fã de 19 anos. "Isso é um desastre, mas eu ainda o amo do fundo do meu coração."

Policiais constataram que a Lamborghini de Bieber e uma Ferrari vermelha aceleraram em alta velocidade em uma avenida de quatro pistas em uma área residencial, a apenas algumas quadras da região turística de South Beach, na Flórida, afirmou o chefe de polícia de Miami Beach, Raymond Martínez.

Dois veículos bloquearam a rua para que o cantor de "Boyfriend" pudesse disputar a corrida com um amigo que estava no carro esportivo vermelho alugado, afirmou a polícia.

Bieber, que dirigia a uma velocidade entre 88 e 96 quilômetros por hora em uma zona em que o máximo permitido é de 48 quilômetros por hora, também foi indiciado por resistir à prisão sem violência e dirigir com uma habilitação vencida do Estado da Geórgia, disse a porta-voz da polícia de Miami Beach, Vivian Hernández.

O astro canadense estava "um pouco briguento, usando algumas palavras seletas", quando detido, afirmou Martínez, mas passou a cooperar quando chegou à delegacia. Na foto do registro policial ele aparece sorrindo.   Continuação...

 
Combinação de fotos do cantor Justin Bieber fornecidas pelo Departamento de Correções e Reabilitação de Miami-Dade, Flórida, nos Estados Unidos, nesta quinta-feira. 23/01/2014 REUTERS/Divulgação