Amy Adams e Michelle Williams vão ao velório de Philip Seymour Hoffman

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014 13:16 BRST
 

Por Marina Lopes

NOVA York, 7 Fev (Reuters) - As atrizes Amy Adams e Michelle Williams estiveram entre os parentes e amigos que compareceram na noite de quinta-feira ao velório do ator Philip Seymour Hoffman, que morreu no fim de semana, supostamente vítima de uma overdose.

Fotógrafos e fãs foram impedidos de entrar na Capela Funerária Frank E. Campbell, no bairro do Upper East Side, em Manhattan. A polícia isolou o local e escoltava a entrada e saída das pessoas autorizadas.

Nem Adams nem Williams, que contracenaram com Hoffman nas telas, deram declarações ao chegarem ao velório. O companheiro de Williams, o ator Heath Ledger, morreu de overdose em 2008.

Hoffman, de 46 anos, foi encontrado morto no domingo em seu apartamento, com uma seringa espetada no braço. Os resultados da autópsia, no entanto, foram inconclusivos, e novos exames ainda são aguardados. Quatro pessoas foram detidas e indiciadas nesta semana sob suspeita de terem traficado as substâncias ilegais encontradas na casa do ator.

Após o velório, Hoffman será sepultado numa cerimônia íntima em Nova York, segundo um representante da família. Ele deixa três filhos com a figurinista Mimi O'Donnell, sua companheira durante muitos anos.

Uma cerimônia póstuma em homenagem a ele, aberta ao público, está programada para este mês. Na noite de quarta-feira, centenas de amigos e fãs o homenagearam com uma vigília à luz de velas em frente à sede da companhia teatral Labyrinth, da qual Hoffman foi diretor artístico.

Também na quarta-feira, os teatros da Broadway reduziram a iluminação de suas fachadas durante um minuto, como homenagem ao ator, ganhador do Oscar por "Capote" (2005).

 
Pessoas participam de uma vigília em homenagem ao falecido ator Philip Seymour Hoffman, em Manhattan, Nova York. As atrizes Amy Adams e Michelle Williams estiveram entre os parentes e amigos que compareceram na noite de quinta-feira ao velório do ator Philip Seymour Hoffman, que morreu no fim de semana, supostamente vítima de uma overdose. 5/02/2014. REUTERS/Keith Bedford