Achado arqueológico na Alemanha leva a especulações sobre tesouro dos nibelungos

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014 18:38 BRT
 

BERLIM, 19 Fev (Reuters) - Um arqueólogo amador munido de um detector de metais descobriu em uma floresta alemã preciosidades em ouro e prata que remontam à época dos romanos, o que vem alimentando especulações de que poderia ser o legendário tesouro dos nibelungos que inspirou o ciclo de óperas de Richard Wagner.

O tesouro encontrado no Estado da Renânia-Palatinado, no oeste do país, está avaliado em cerca de 1 milhão de euros e inclui tigelas de prata, broches e outras joias de vestes cerimoniais, além de pequenas estátuas que adornavam uma grande cadeira, disseram arqueólogos.

"Considerando o período e a geografia, o achado se encaixa na lenda dos nibelungos", disse o arqueólogo-chefe do Estado, Axel von Berg, segundo a mídia alemã.

"Mas nós não podemos dizer se de fato pertence ao tesouro dos nibelungos", afirmou, acrescentando que o proprietário era alguém que "vivia bem" e pode ter sido um príncipe.

As peças, achadas perto de Ruelzhem, na parte sul do Estado, estão agora no departamento cultural da Renânia-Palatinado, em Mains, mas autoridades suspeitam que podem não estar com todo o tesouro.

Promotores abriram um inquérito contra o homem que encontrou as peças porque suspeitam que ele possa ter vendido parte do achado, possivelmente para um comprador no exterior, disse o departamento.

(Reportagem de Madeline Chambers)