"Oscar" de Bollywood será entregue nos EUA pela primeira vez

sexta-feira, 25 de abril de 2014 20:19 BRT
 

Por Saundra Amrhein

TAMPA, Estados Unidos, 25 Abr (Reuters) - Celebridades e autoridades da Índia e dos Estados Unidos baixaram nesta semana na Flórida para o "Oscar de Bollywood", uma premiação realizada pela primeira vez nos EUA com o objetivo de criar laços mais estreitos entre os dois países.

Os prêmios da cerimônia da Academia Internacional do Cinema Indiano, marcada para sábado, costumam ser comparados com a final do Super Bowl, em termos da necessidade de segurança, gestão e planejamento de tráfego. Mas a audiência mundial esperada, de 800 milhões de espectadores, ultrapassará a média de 111,5 milhões da final do campeonato de futebol americano em 2014.

A opção da academia cinematográfica por Tampa, que abriga a terceira maior comunidade do sul da Ásia na Flórida, para sediar a primeira premiação nos EUA em 15 anos de história do evento foi uma feliz surpresa para muitos fãs.

"Eu pulei da cadeira", disse Rubia Qureshi, de 22 anos, um residente no Estado que cresceu vendo filmes de Bollywood, conhecidos por suas performances peculiares e elaboradas de música e dança. "Sou a maior fã."

Rubia e sua mãe, de origem paquistanesa, se uniram a outras centenas de fãs ansiosos por tirar fotos de estrelas de cinema assim que desembarcaram no aeroporto de Tampa e caminharam pelo tapete verde da indústria do cinema indiano. Os fãs estavam tão animados com a chegada da atriz Deepika Padukone na quarta-feira que derrubaram uma barreira de segurança.

Outras celebridades que participam do evento incluem os atores americanos John Travolta e Kevin Spacey, bem como Anil Kapoor, mais conhecido do público dos EUA por seu papel em "Quem quer ser um Milionário?", de 2008, e Shah Rukh Khan, ator que tem mais de 7,4 milhões seguidores no Twitter.

Observar as celebridades acabou provocando um burburinho na cidade, mas talvez o mais emocionante para as autoridades locais seja o potencial impacto econômico ao sediar a premiação, bem como a perspectiva de ampliar os laços econômicos, culturais e de turismo com a Índia.

A expectativa é de que o evento desta semana atraia 30 mil visitantes e 11 milhões de dólares em receita, segundo os organizadores.