"Metal Gear Solid 4": o último dos grandes games exclusivos?

quinta-feira, 29 de novembro de 2007 14:19 BRST
 

Por Kemp Powers

LOS ANGELES (Reuters) - "Metal Gear Solid 4" não é apenas um dos mais aguardados títulos para o Sony PlayStation 3, é um dos últimos exemplos de uma espécie quase extinta: jogos projetados exclusivamente para um console de videogame.

Desenvolvido pela japonesa Konami e com lançamento marcado para o ano que vem, o jogo é a mais recente versão de uma série que produziu grandes sucessos para o console anterior da Sony, o PlayStation 2.

Trata-se de um exemplo primordial de um jogo conhecido no setor como "exclusivo terceirizado", em oposição aos títulos exclusivos produzidos pelas próprias fabricantes dos consoles, como Sony, Microsoft e Nintendo .

Por anos, as fabricantes de videogames tentam garantir títulos exclusivos como maneira de promover a adoção de suas máquinas entre os usuários.

"Estamos dizendo aos nossos fãs que, se desejam jogar 'Metal Gear Solid 4', eles precisam comprar um PS3", disse Ryan Payton, produtor assistente do título.

"A marca PlayStation sempre nos beneficiou, e estamos bastante otimistas quanto ao PS3", acrescentou.

Mas os custos de produção cada vez mais altos significam que é mais difícil obter lucros, para os jogos exclusivos produzidos por terceiros, já que eles ficam limitados a um único console. Isso se aplica especialmente ao PS3, cujas vendas têm ficado abaixo dos totais registrados pelo Xbox 360 e pelo Wii.

A Sony diz que está se preparando para o fim dos títulos terceirizados exclusivos há muito tempo.   Continuação...