Descontos estimulam vendas fortes de câmeras digitais

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2008 17:23 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - Os consumidores adquiriram mais câmeras digitais no quarto trimestre, tirando vantagem das ofertas de final de ano, o que alimentou embarques superiores aos esperados desse tipo de aparelho, em 2007, de acordo com o grupo de pesquisa IDC.

Os embarques, que incluem modelos simples de foco automático bem como as câmeras avançadas Single Lens Reflex (SLR), cresceram em 31 por cento ante o quarto trimestre do ano anterior, para 16,6 milhões de unidades, anunciou a IDC em seu relatório trimestral.

"Apesar de uma temporada de festas em geral morna para os bens eletrônicos de consumo, o mercado de câmeras digitais continuou a desafiar as expectativas e a registrar forte crescimento", disse Christopher Chute, analista do IDC.

A demanda por câmeras parecia estar se desaquecendo no começo de 2007, em meio a sinais de que o mercado havia amadurecido. Mas as câmeras rapidamente voltaram a atrair interesse, com a introdução de modelos em diferentes cores e tamanhos que atendiam à idéia de que as câmeras se tornaram uma espécie de acessório de moda.

A IDC também apontou que os preços mais baixos fizeram com que consumidores substituíssem câmeras mais antigas por novos e poderosos modelos, a preços razoáveis.

"Os consumidores experientes correram às (SLR digitais), enquanto as ofertas a preço muito baixo no final do ano permitiriam que empresas como Kodak, HP e Sony mantivessem seu crescimento", acrescentou a IDC.

Em 2007, o mercado dos Estados Unidos cresceu em 23 por cento, para 37,7 milhões de unidades, informou a IDC, bem acima de sua previsão inicial de cerca de 30 milhões de unidades.

A Canon manteve a vantagem em termos de fatia de mercado pelo terceiro ano consecutivo, com 23 por cento, ante 18 por cento para a Sony e 16 por cento para a Kodak.