Aparelho do Google pode fazer buscas em 10 milhões de arquivos

quarta-feira, 6 de agosto de 2008 16:05 BRT
 

Por Eric Auchard

SAN FRANCISCO (Reuters) - O Google anunciou nesta terça-feira que está oferecendo uma versão atualizada do aparelho que vende a empresas e organizações governamentais e permite uma busca de documentos internos, ao estilo Google usado na Internet.

O líder entre os serviços de busca na Web anunciou que a mais recente versão do Google Search Appliance, um aparelho do tamanho de uma caixa de pizza que contém um sistema autônomo de busca para administrar os arquivos eletrônicos de uma organização, pode armazenar até 10 milhões de documentos.

O novo produto tem a mesma capacidade de uma versão anterior fornecida, no entanto, na forma de um rack com cinco caixas. O Google já vende uma versão de 12 caixas do aparelho, em um rack do tamanho de uma geladeira e com capacidade para realizar buscas em até 30 milhões de documentos.

Os aparelhos contém software do Google para acionar os serviços de busca, e hardware de armazenamento de dados produzido pela Dell .

Assim que instalado em rede, o aparelho ajuda funcionários a localizar documentos em diversos sistemas de armazenamento diferentes, do Documentum, produzido pela EMC, ao FileNet, da IBM, passando pelo LiveLink, da Open Text e pelo SharePoint, da Microsoft .

Os novos recursos do modelo incluem maior poder de cifragem e o uso do sistema Google Alerts a fim de notificar usuários sobre a chegada de novos documentos incluídos na rede por colegas.

Os administradores de redes poderão operar o Google Search Appliances em 27 idiomas, com o acréscimo do turco, tcheco, vietnamita e português. As caixas podem, por sua vez, distribuir resultados de busca aos funcionários de empresas em 40 idiomas diferentes.

O Google não revela a receita auferida por seus aplicativos de busca, que são parte de sua divisão de software e serviços para empresas, dirigida a clientes empresariais.

Cerca de 98 por cento do faturamento do grupo deriva de publicidade vendida no site Google.com e sites afiliados.