Intel divulga novos chips para uso em aparelhos portáteis

terça-feira, 8 de janeiro de 2008 11:03 BRST
 

Por Scott Hillis

LAS VEGAS (Reuters) - Paul Otellini, presidente-executivo da Intel, anunciou o lançamento de microchips avançados para aparelhos portáteis e produtos eletrônicos domésticos, na segunda-feira, enfatizando uma nova oportunidade de crescimento para a empresa à medida que o mercado de chips para computador amadurece.

Como maior fabricante mundial de chips, os microprocessadores da Intel acionam cerca de 80 por cento dos computadores pessoais do planeta, mas Otellini quase não falou em computadores, que em edições anteriores da CES a empresa alardeava como centrais de mídia digital doméstica.

"Agora estamos em meio à maior oportunidade de redefinir os bens eletrônicos de consumo e o setor de entretenimento desde o lançamento da televisão", afirmou Otellini durante a Consumer Electronics Show.

Ele se concentrou em aparelhos eletrônicos, descrevendo pela primeira vez um chip para uso em decodificadores de televisão, players de mídia e televisores.

Conhecido como "Canmore", o novo chip deve chegar ao mercado no segundo semestre e consistirá de um processador como os utilizados em computadores pessoais, mas reforçado para lidar com vídeo de alta definição, som surround e recursos gráficos tridimensionais.

"O desafio para a Intel é sempre encontrar aplicações de alto volume que requeiram muito poder de processamento", disse Nathan Brookwood, principal analista da Insight 64.

A ênfase em bens de consumo surge enquanto a Intel enfrenta a desaceleração no crescimento do setor de computadores pessoais. As incursões anteriores da empresa ao mercado de eletrônicos, como players de música, e com chips para aparelhos menores, tiveram maus resultados, enquanto outras empreitadas, como seu apoio à tecnologia Wi-Fi de comunicação sem fio ajudaram a abrir novos mercados.

"Se alguém sabe como desenvolver um novo segmento, é a Intel, e eles só encontraram dificuldades quando se afastaram de suas origens", disse Brookwood.

Na produção de processadores para computadores, a maior concorrente da Intel é a Advanced Micro Devices . As novas áreas visadas pela empresa a oporão a fabricantes de chips mais diversificados como Texas Instruments, Broadcom e a sul coreana Samsung Electronics .