GeoEye assina acordo para prover imagens para o Google

sexta-feira, 29 de agosto de 2008 11:13 BRT
 

Por Andrea Shalal-Esa

WASHINGTON (Reuters) - A GeoEye anunciou na quinta-feira que fornecerá imagens de seu novo satélite de alta resolução GeoEye1 ao Google Earth e Google Maps, depois que o satélite for lançado em 4 de setembro.

Mark Brender, porta voz da GeoEye, disse que o logotipo do Google estava pintado no primeiro estágio do foguete Delta II que lançará o novo satélite, o qual oferecerá as imagens comerciais em cores com a maior definição do mercado.

"O Google tem interesse em obter as imagens de satélite de maior qualidade possível e, como símbolo desse compromisso, fechou acordo para colocar o logotipo da empresa no primeiro estágio do nosso veículo de lançamento", disse Brender.

Ele afirmou que o Google não tinha interesse financeiro direto ou indireto no satélite ou na GeoEye, e que não havia pago para colocar seu logotipo no foguete.

Caso tudo corra bem com o lançamento, o novo satélite da GeoEye oferecerá as imagens de mais alta resolução entre os satélites em órbita da Terra, com resolução de 41 metros nas imagens em preto e branco e de 1,65 metro nas coloridas.

Sob as atuais regras do governo, a empresa só pode oferecer ao público imagens com resolução de meio metro.

Kate Hurowitz, porta-voz do Google, afirmou que a empresa começaria a receber imagens de meio metro de resolução do novo satélite em prazo de 45 dias a 60 dias do lançamento, durante o qual a empresa garantiria que todos os sistemas do satélite estão operacionais.

"A combinação entre a alta resolução e precisas de mapeamento via satélite providas pelo GeoEye e a capacidade de busca e exibição do Google oferecerá aos usuários acesso mapas visuais ricos e interativos da Terra", disse Hurowitz. Ela não ofereceu detalhes sobre os termos financeiros do acordo.

O Google já utiliza imagens de outro satélite de alta resolução da GeoEye, o IKONOS, bem como imagens de outras fontes, como a DigitalGlobe, a principal rival da GeoEye, que planeja uma oferta pública inicial de ações para este ano.

A DigitalGlobe lançou seu novo satélite de alta resolução, o WorldView-1, no final de 2007. Ele oferece resolução de meio metro e pode recolher imagens de até 750 mil quilômetros quadrados de área ao dia, ainda que apenas em branco e preto.