Gana reapresenta oferta da Vodafone ao Legislativo

terça-feira, 12 de agosto de 2008 18:42 BRT
 

Por Kwasi Kpodo

ACCRA (Reuters) - O governo de Gana reapresentou a oferta de 900 milhões de dólares da Vodafone pela Ghana Telecom ao Legislativo do país, diante da crescente oposição à proposta e de disputas entre os políticos nos preparativos para uma eleição.

A gigantesca operadora britânica de telefonia móvel fechou acordo com o governo de Gana no começo de julho, depois de uma concorrência, mas antes de ser implementado o acordo precisa de aprovação --o que está se provando mais difícil do que o esperado, em um ano eleitoral.

Centenas de manifestantes em protesto contra o acordo se reuniram diante da sede do Legislativo em Accra nesta terça-feira.

Os parlamentares foram convocados do recesso de verão para debater o acordo.

O documento apresentado ao Legislativo é praticamente o mesmo sobre o qual não conseguiram chegar a acordo no mês passado, mas a terminologia foi alterada de maneira a reassegurar os céticos, disseram representantes do governo.

A alteração no texto torna mais claro o compromisso da Vodafone sobre financiar a conclusão do projeto nacional de infra-estrutura para fibra óptica, que não é parte dos ativos da Ghana Telecom mas está incluído no acordo.