Novo jogo "Rainbow Six" refina fórmula

quinta-feira, 20 de março de 2008 13:16 BRT
 

Por Kemp Powers

LOS ANGELES (Reuters) - Os fãs das táticas de combate ao terrorismo devem preparar as armas esta semana, com o retorno da popular série "Rainbow Six", que está de volta a Las Vegas e promete ajustes que refinarão ainda mais sua fórmula realista e seu ritmo rápido.

Lançado para os consoles Xbox 360, da Microsoft, e PlayStation 3, da Sony, o "Tom Clancy's Rainbow Six Vegas 2" segue o sucesso de "Rainbow Six Vegas", que vendeu mais de 1,6 milhão de unidades apenas nos Estados Unidos desde o seu lançamento em 2006.

"As pessoas realmente adoram jogos militares, e a Ubisoft realmente sabe o que está fazendo," disse Billy Pidgeon, analista do IDC. "Eles refinaram os mecanismos de combate em equipe a ponto de terem se tornado a referência do mercado."

Os jogos com a marca Tom Clancy -"Rainbow Six", "Ghost Recon" e "Splinter Cell"- respondem por cerca de um terço da receita anual da Ubisoft, a maior produtora de videogames da Europa.

Desde 2000, quando a Ubisoft adquiriu o estúdio da Carolina do Norte que vinha desenvolvendo os jogos há dois anos, ela publicou 18 títulos baseados em histórias de Clancy, e as vendas combinadas deles atingem os 50 milhões de cópias.

"Rainbow Six Vegas 2" é o sétimo título da série, desde 2000, e isso representa um bom ritmo de lançamento para uma série de alto sucesso, que praticamente acompanha as atualizações anuais de videogames esportivos como o "Madden", de futebol americano, da Electronic Arts.

O lançamento de continuações demais pode prejudicar uma série de alta popularidade, já que a qualidade pode cair na pressa de cumprir prazos. No entanto, os responsáveis pelo "Rainbow Six" não vêem motivo de preocupação.

"Nenhuma marca se manterá fresca para sempre a menos que haja inovação ao longo de seu ciclo de vida", disse Tony Key, vice-presidente de vendas e marketing da Ubisoft.

"Isso indica que tratamos a marca não como fonte rápida de receita, mas sim como a jóia da coroa."

A estratégia da Ubisoft é introduzir recursos simples mas atraentes a cada novo título.