Ex-CEO da Microsoft, Steve Ballmer compra Los Angeles Clippers por US$2 bi

sexta-feira, 30 de maio de 2014 11:03 BRT
 

LOS ANGELES, 30 Mai (Reuters) - O ex-presidente executivo da Microsoft Steve Ballmer comprou o time da NBA Los Angeles Clippers por 2 bilhões de dólares, um recorde para um time de basquete profissional, segundo divulgado pela curadora Shelly Sterling nesta sexta-feira.

Em comunicado à imprensa do Greenberg Glusker, Conselho da Sterling, ela disse que havia assinado um contrato vinculativo para vender o time para Ballmer em nome do The Sterling Family Trust, que é dono do clube.

"Estou muito contente que nós estamos vendendo a equipe para Steve, que será um proprietário fantástico. Nós trabalhamos por 33 anos para construir os Clippers como um time de primeira linha da NBA. Estou confiante que Steve vai levar a equipe para novos níveis de sucesso."

O acordo terá que ser aprovado pelo Conselho de Administração da Associação Nacional de Basquete, a NBA, antes de ser finalizado. A NBA não respondeu imediatamente aos pedidos por comentários.

"Eu amo o basquetebol", disse Ballmer em comunicado. "E eu pretendo fazer tudo ao meu alcance para garantir que o Clippers continue a ganhar - e ganhar muito - em Los Angeles."

Na quinta-feira, a oferta de Ballmer superou a de dois grupos. Um deles, que ofereceu 1,6 bilhão de dólares, era liderado pelo magnata da mídia David Geffen e incluía a apresentadora de TV Oprah Winfrey e o presidente-executivo da Oracle, Larry Ellison, afirmou uma fonte próxima do processo à Reuters.

Um grupo de investidores de Los Angeles também fez uma proposta de 1,2 bilhão de dólares pelo time.

O Bank of America Merrill Lynch atuou como assessor financeiro no negócio, informou a declaração de Sterling.

O Clippers foi colocado à venda depois da NBA ter banido o proprietário Donald Sterling por causa de comentários racistas feitos em uma conversa gravada que vazou no mês passado para o site de notícias de entretenimento TMZ.com.   Continuação...