Sindicato diz que infraestrutura de telefonia da Arena Corinthians ainda precisa de ajustes

segunda-feira, 2 de junho de 2014 17:34 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O sindicato que representa as operadoras de telecomunicações brasileiras, o Sinditelebrasil, disse nesta segunda-feira que o funcionamento da infraestrutura de telefonia móvel da Arena Corinthians, em São Paulo, foi satisfatório no jogo de domingo entre Corinthians e Botafogo, mas ainda precisa de ajustes para a Copa do Mundo.

"A cobertura 'indoor', formada por redes de fibras ópticas e cerca de 300 antenas, teve desempenho satisfatório e foram identificados momentos de pico de ligações e congestionamentos momentâneos nas chamadas telefônicas, no envio de mensagens multimídias e uso da Internet", disse o sindicato em comunicado.

A cobertura "indoor" é formada pelos cabos e antenas instaladas para garantir que serviços sem fio funcionem dentro de edificações, já que paredes de metal e concreto absorvem os sinais externos e prejudicam o uso de celulares para chamadas de voz e acesso à Internet.

A entidade disse ainda que, diante do curto prazo para a instalação dos equipamentos, o jogo teste de domingo foi importante para localizar os pontos na infraestrutura interna da Arena Corinthians que ainda precisam passar por ajustes, o que será feito até a partida de abertura da Copa do Mundo entre Brasil e Croácia, no próximo dia 12.

Para a cobertura "indoor" nos 12 estádios das cidades-sede da Copa, as operadoras Claro, Oi, Nextel, TIM Participaçõs e Telefônica Vivo fizeram parceria para a implantação de um projeto único, com investimento total de 200 milhões de reais e infraestrutura compartilhada.

(Por Luciana Bruno; Edição de Cesar Bianconi)