Empresa mexicana iFone buscará indenização após uso de nome iPhone

sexta-feira, 6 de junho de 2014 17:09 BRT
 

CIDADE DO MÉXICO (Reuters) - A companhia de telecomunicações mexicana iFone afirmou nesta sexta-feira, depois de sair vitoriosa de um julgamento sobre patentes, que pretende buscar indenizações de três provedores locais por usar a marca iPhone, da Apple, para vender serviços.

O instituto do México para propriedade industrial, órgão mexicano responsável pelo registro de patentes, disse na quinta-feira ter decidido contra América Móvil, Telefónica e Iusacell. A instituição apoiou uma reclamação da iFone SA de C.V. segundo a qual o uso pelas empresas do nome "iPhone" para vender planos de smartphones infringiu os direitos da companhia mexicana.

A Iusacell é controlada pela Televisa e pela TV Azteca, que dominam o mercado de televisão.

A decisão abriu caminho para um processo civil contra as três companhias de telefonia, segundo o advogado da iFone, Eduardo Gallastegui.

Segundo a lei, afirmou Gallastegui, a iFone pode reivindicar ao menos 40 por cento do valor das vendas das três companhias de celulares feitas usando o nome iPhone. A reivindicação pode valer mais de 1 bilhão de dólares, acrescentou.

(Por Dave Graham)

((Tradução Redação São Paulo 55 11 5644 7757)) REUTERS PJ LB