Omnicom mantém meta de receita após fracasso de fusão

terça-feira, 22 de julho de 2014 16:27 BRT
 

(Reuters) - A Omnicom Group, maior empresa de publicidade dos Estados Unidos, disse que estava se atendo à meta de crescimento orgânico da receita anual, sofrendo pouco impacto com o fracasso da fusão de 35 bilhões de dólares com a francesa Publicis Groupe.

Em contrapartida, a empresa francesa advertiu mais cedo nesta terça-feira que seria "muito difícil" cumprir sua meta de crescimento orgânico das vendas anuais, em parte devido à abortada proposta de fusão.

Em fevereiro, a Omnicom previu crescimento orgânico de vendas de 4 por cento no ano. A receita da empresa subiu em torno de 2,5 por cento em cada um dos últimos dois anos.

A empresa divulgou um aumento melhor que o esperado de 6,4 por cento na receita, para 3,87 bilhões de dólares, no trimestre encerrado em 30 de junho, ajudada por uma elevação nos gastos com publicidade, particularmente nos Estados Unidos.

A receita orgânica da Omnicom cresceu 5,8 por cento no trimestre.

Analistas esperavam, em média, receita de 3,8 bilhões de dólares, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

O lucro líquido atribuível aos acionistas ordinários subiu 13,2 por cento, para 318,9 milhões de dólares.

Excluindo itens, a empresa lucrou 1,20 dólar por ação, superando a estimativa média de analistas de 1,17 dólar por ação.

(Por Abhirup Roy)