Outras duas palestras são retiradas da conferência de hackers Black Hat

segunda-feira, 4 de agosto de 2014 13:59 BRT
 

BOSTON (Reuters) - Pesquisadores de segurança tiraram duas palestras da conferência Black Hat sobre segurança na Internet nesta semana em Las Vegas -- uma sobre invasão de sistemas de alarmes domésticos e outra sobre a sofisticada campanha russa de espionagem chamada Snake.

As retiradas seguem o cancelamento no final do mês passado de uma apresentação altamente esperada sobre como identificar usuários do Tor, serviço de privacidade na Internet.

Cancelamentos não são incomuns antes de conferências de hackers como a Black Hat, que será realizada de quarta a quinta-feira e costumam atrair participantes internacionais, embora seja raro que tantas sejam retiradas antes.

"Isso acontece quando se tem pesquisas mais recentes e às vezes palestras controversas para serem apresentadas", disse a porta-voz da conferência Meredith Corley. Ela não soube dizer se três cancelamentos era um recorde.

A Black Hat disse que Logan Lamb, um funcionário da Oakridge National Laboratory, retirou uma apresentação chamada: "Segurança doméstica: sem alarmes, alarmes falsos e coleta de informações por interceptação de sinais (Sigint)".

Lamb não pode ser imediatamente contatado para comentar.

O pesquisador da BAE Systems, Sergei Shevchenko, daria uma palestra chamada "Dissecando Snake".

A porta-voz Natasha Davies, da BAE, disse que sua companhia retirou a palestra.

"Não vamos falar sobre isso na Black Hat pois estamos escrevendo um novo relatório sobre o Snake que esperamos que será publicado em setembro", disse ela via email.

(Por Jim Finkle)