Ações da Telecom Italia caem mais de 5% após oferta da Telefónica pela GVT

terça-feira, 5 de agosto de 2014 07:42 BRT
 

MILÃO (Reuters) - As ações da Telecom Italia chegaram a ter a negociação suspensa depois de caírem 4,97 por cento nesta terça-feira, com operadores afirmando que uma oferta da espanhola Telefónica pela brasileira GVT fere as perspectivas para o grupo italiano de telecomunicações.

Às 7h40 no horário de Brasília, as ações da Telecom Italia tinham queda de 5,43 por cento.

A Telefónica, maior investidor na Telecom Italia, com uma participação de 14,8 por cento enquanto um antigo pacto entre acionistas está sendo desmantelado, disse mais cedo na terça-feira que apresentou uma oferta pela GVT, provedora de internet brasileira do grupo Vivendi.

Segundo a proposta, que expira em 3 de setembro, a Telefónica estaria disposta a oferecer ao grupo francês a oportunidade de adquirir uma participação de 8,3 por cento na Telecom Italia.

"Isso coloca um ponto de interrogação sobre a porcentagem da participação da Telefónica na Telecom Italia", disse um operador de Milão. "Os ativos brasileiros da Telecom Italia perderam seu apelo para a Telefónica".

Outro membro de uma corretora disse que Telefónica estaria definitivamente reconsiderando seus investimentos na Telecom Italia.

(Reportagem de Valentina Za e Massimo Gaia)