Telecom Italia examina opções no Brasil em meio à queda de lucro

quarta-feira, 6 de agosto de 2014 07:35 BRT
 

MILÃO (Reuters) - A Telecom Italia, maior companhia telefônica italiana, informou nesta quarta-feira que irá examinar suas opções estratégicas no Brasil, depois de registrar queda de 7,6 por cento em seu lucro, atingida por uma economia fraca em seu mercado doméstico e uma desaceleração no Brasil.

O resultado da empresa, que ficou basicamente em linha com o esperado, veio em meio a crescentes sinais de uma possível consolidação nos dois mercados, um fator que tem sustentado o preço de suas ações nos últimos meses.

Na terça-feira, a espanhola Telefónica fez uma oferta de 20,1 bilhões de reais pela GVT no Brasil, roubando a iniciativa da Telecom Italia, que não tinha descartado a possibilidade de uma fusão com a GVT, uma unidade da francesa Vivendi, com sua própria unidade no Brasil, a TIM Brasil.

A Telecom Italia disse que decidiu continuar uma avaliação profunda de suas opções estratégicas no Brasil, dizendo que o país --que representa quase um terço de suas vendas-- é um mercado central para o grupo.

A empresa italiana informou que seu lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebtida, na sigla em inglês) ficou 4,345 bilhões de euros, em linha com consenso dos analistas, de 4,379 milhões de euros.

As receitas recuaram 11,2 por cento para 10,551 bilhões de euros, atingidas pela desvalorização da moeda brasileira, enquanto a dívida líquida ajustada ficou em 27,358 bilhões de euros, 551 milhões de euros acima do final de 2013.

(Por Danilo Masoni)