Vodafone pede que sejam impostas condições para compra da DTS pela Telefónica

terça-feira, 2 de setembro de 2014 11:48 BRT
 

SANTANDER Espanha (Reuters) - A filial espanhola da Vodafone pediu ao regulador que imponha condições para a esperada aquisição da Distribuidora de Televisión Digital (DTS), que opera sob a marca Canal+, pela Telefónica, para garantir a livre concorrência no mundo dos negócios de televisão paga na Espanha.

"Tem que ser condicionada a compra de Canal+ pela Telefónica. Por quê? Porque o mercado não é mais um mercado distinto para a banda larga, fixa, móvel. É um mercado convergente", disse Coimbra.

A DTS é a principal plataforma de televisão paga na Espanha, com cerca de 1,62 milhão de assinantes, e sua fusão com a Movistar TV, empresa de televisão paga da Telefónica com 1,4 milhão de assinantes, criaria um gigante que controlaria 80 por cento do faturamento do setor na Espanha, alertou Coimbra.

Os 20 por cento restantes seriam distribuídos entre os vários operadores de telecomunicações e de cabo regional e a Vodafone, que tem cerca de 780 mil assinantes após a recente compra de Ono.