Telefônica Brasil está otimista sobre aprovação de compra da GVT, diz presidente

terça-feira, 2 de setembro de 2014 14:53 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente da Telefônica Brasil, Antonio Carlos Valente, disse nesta terça-feira que está otimista com relação à apreciação do ponto de vista concorrencial da compra da GVT pela empresa, processo que deve ser formalmente concluído em até 90 dias.

"Acreditamos que a operação não deve oferecer dificuldades maiores do ponto de vista concorrencial", disse a jornalistas após evento em Brasília.

Segundo ele, desde que a francesa Vivendi anunciou que vai negociar a venda da GVT exclusivamente com a Telefônica, começou a correr um prazo de até 90 dias para que se chegue a um desenho final da operação para que ela possa ser então submetida formalmente às autoridades competentes como o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Valente disse esperar que o negócio seja concluído em um prazo ainda menor que esse.

Ele acrescentou que a empresa não está participando de supostas conversas sobre uma eventual oferta para a compra fatiada da TIM Participações juntamente com outras empresas.

(Por Leonardo Goy)