Nintendo bate previsões com Mario Kart ajudando Wii U; rumo a lucro no ano inteiro

quarta-feira, 29 de outubro de 2014 12:12 BRST
 

OSAKA (Reuters) - A Nintendo deu um salto para um lucro operacional trimestral inesperado uma vez que o novo jogo "Mario Kart 8" impulsionou as vendas de seu console Wii U, fortalecendo esperanças de que a empresa está a caminho de seu primeiro lucro anual em quatro anos.

O iene mais fraco também elevou o valor de seu lucro no exterior, e a companhia disse nesta quarta-feira que teve lucro operacional de 9,3 bilhões de ienes (86 milhões de dólares), em seu segundo trimestre fiscal, ante prejuízo operacional de 18 bilhões de ienes no mesmo período do ano anterior. Analistas esperavam em média prejuízo de 3,7 bilhões de ienes para o período de julho a setembro, segundo a Thomson Reuters Starmine.

Antes da vital temporada de vendas do final do ano, os resultados podem aliviar a pressão sobre o presidente-executivo Satoru Iwata, que está se recuperando de uma cirurgia realizada em junho para a remoção de um tumor nas vias biliares.

A Nintendo reiterou a projeção para lucro operacional de 40 bilhões de ienes, ante prejuízo operacional de 46,4 bilhões de ienes no ano anterior. Analistas têm estado céticos em relação à meta deste ano, e também em relação à estratégia da companhia, com a estimativa média antes do anúncio desta quarta-feira sendo de lucro de 24 bilhões de ienes.

A companhia disse, nesta quarta-feira, que as vendas de seu Wii U, mais recente versão do Wii, mais que dobraram no período de abril a setembro ante o ano anterior, alcançando 1,1 milhão de unidades.

Iwata disse a repórteres que as vendas do Wii U melhoraram desde que o "Mario Kart 8" passou a ser vendido, em maio. Com a aproximação da temporada de vendas do fim de ano, ele disse que a companhia ainda tem como meta vender 3,6 milhões de consoles no ano fiscal atual até março de 2015.

"De abril a setembro vimos as vendas melhorarem, especialmente no exterior e nos mercados europeus e dos Estados Unidos", disse Iwata sobre o Wii U. "Este ano será diferente do último, quando entramos no final de ano sem ímpeto ou perspectivas de bons softwares ... a meta é completamente atingível".

(Por Reiji Murai)