Lucro da Lenovo sobe, mas receita decepcionante causa queda nas ações

quinta-feira, 6 de novembro de 2014 08:47 BRST
 

PEQUIM (Reuters) - O lucro líquido da Lenovo, maior fabricante de PCs do mundo, saltou 19 por cento no segundo trimestre fiscal, mas a receita ficou aquém das expectativas de analistas, o que causou uma queda nas ações da empresa.

A companhia, que tem feito esforços para entrar no mercado de smartphones, anunciou que a receita trimestral cresceu 7 por cento, para 10,5 bilhões de dólares, mas as vendas de sua divisão de dispositivos móveis caíram 6 por cento, para 1,4 bilhão de dólares.

As ações da Lenovo recuaram 5,11 por cento nesta quinta-feira, ante uma queda de 0,2 por cento no índice Hang Seng de Hong Kong.

Ainda assim, a companhia sediada em Pequim fortaleceu seu domínio sobre as vendas globais de PCs mesmo diante de uma diminuição do mercado mais amplo. As vendas de laptops e de desktops cresceram 0,9 por cento e 6,4 por cento, respectivamente.

O lucro líquido ficou em 262 milhões de dólares, ultrapassando os 260 milhões de dólares projetados por analistas, segundo a Thomson Reuters SmartEstimates.

A Lenovo está intensificando suas investidas em novos mercados de produtos após concluir nas últimas semanas duas aquisições multibilionárias, uma pelo negócio de servidores de baixo custo da IBM e outra pela unidade de dispositivos móveis Motorola do Google.

(Por Gerry Shih)