Lucro trimestral da DirecTV supera estimativas devido a mais assinaturas

quinta-feira, 6 de novembro de 2014 13:36 BRST
 

(Reuters) - A DirecTV, maior provedora de TV via satélite dos Estados Unidos, teve lucro trimestral acima das previsões de analistas, em meio a mais receitas por assinante no país.

A receita nos EUA subiu 5,4 por cento, para 6,51 bilhões de dólares com o aumento dos preços dos pacotes de programação impulsionando a receita média por usuário em 4,8 por cento.

As companhias de cabo e satélite têm tentado aumentar os preços para compensar o impacto das perdas de assinantes de operadores baseados na web, tais como Netflix.

A DirecTV teve perda líquida de 28 mil assinantes no país, em comparação com 139 mil adições líquidas no ano anterior, citando descontos promocionais de rivais.

Analistas esperavam adição líquida de 66 mil assinantes, segundo a empresa de pesquisa de mercado StreetAccount.

A Dish Network, segunda maior de TV por satélite dos EUA, teve receita trimestral menor que a esperada, perdendo assinantes de TV paga devido ao aumento da concorrência.

A DirecTV estendeu seu contrato de exclusividade para vender o pacote dominical de jogos da liga nacional de, removendo um obstáculo para a proposta de 48,5 bilhões dólares da AT&T para comprar a empresa.

O lucro líquido atribuível à empresa caiu para 611 milhões de dólares, ou 1,21 dólar por ação, no trimestre findo em 30 de setembro, ante 699 milhões (1,28 dólar por ação), um ano antes.

Excluindo itens, o lucro foi de 1,33 por ação, superando a estimativa média de analistas em 0,03 dólar, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

A receita subiu 6,3 por cento, para 8,37 bilhões dólares. Analistas, em média, previam 8,3 bilhões. A receita na América Latina, que responde quase 20 por cento do total, subiu 9,5 por cento.

(Reportagem de Abhirup Roy)