CSU aposta no e-commerce com shopping online OPTe+

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014 11:11 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A CSU, que presta serviços de tecnologia voltados ao consumo e transações eletrônicas, divulgou nesta segunda-feira o lançamento do shopping online OPTe+, marcando uma aposta que já vinha ensaiando no e-commerce brasileiro.

O site funcionava desde o início de 2013 como solução de premiação para programas de fidelidade. Em seu resultado do último trimestre, a companhia informou que já trabalhava na maturação da plataforma também como um shopping online, buscando elevar a adesão de lojistas.

O presidente e fundador da CSU, Marcos Ribeiro Leite, apontou em comunicado nesta segunda-feira que o OPTe+ representa a união das atividades históricas da empresa, como o processamento de cartões, às técnicas de relacionamento com clientes e programas de fidelidade. A receita proveniente da plataforma é decorrente da cobrança de comissões sobre as vendas.

"Certamente é um projeto com potencial de acrescentar ainda mais vigor ao movimento de crescimento que a empresa vem consolidando ao longo dos últimos trimestres", afirmou o executivo.

O modelo da plataforma, conhecida como marketplace no jargão do mercado, replica o adotado por gigantes como o chinês Aliexpress, do Alibaba, e o norte-americano e-Bay, ao reunir em um mesmo site ofertas de diferentes lojistas.

No Brasil, as maiores empresas de comércio eletrônico também passaram a operar com marketplaces, como a B2W, dona dos sites Submarino e Americanas.com, e Cnova Brasil, que responde pelo e-commerce das bandeiras Pontofrio, Casas Bahia e Extra.

A CSU informou que o optemais.com.br entrou em operação na primeira semana de dezembro com a oferta de mais de um milhão de produtos de todos os segmentos, também oferecendo serviços de viagens, como passagens aéreas.

Entre as lojas que mostram suas ofertas no site estão sites da Cnova Brasil, controlada pelo Grupo Pão de Açúcar, além de nomes como Walmart.com, Fast Shop e Ri Happy.

"O OPTe+ foi desenvolvido pela CSU com o objetivo de colocar à disposição do consumidor brasileiro uma plataforma multiâncora e multisetor, com o diferencial de oferecer soluções inéditas que envolvem um programa de fidelidade integrado ao shopping e um cartão de crédito próprio", disse a companhia.

(Por Marcela Ayres)