Telecom Italia segue avaliando fusão entre TIM e Oi, diz fonte

quarta-feira, 14 de janeiro de 2015 18:57 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Telecom Italia segue avaliando uma possível fusão entre as operadoras de telecomunicações TIM Participações, da qual é controladora, e Oi, disse um executivo da TIM nesta quarta-feira.

"Não há nenhuma novidade em relação à nossa posição. Nenhuma evolução em relação à última deliberação", disse a fonte, que pediu para não ser identificada, em referência às análises promovidas pela diretoria da Telecom Italia sobre uma possível união das duas companhias.

No fim de novembro, o Conselho de Administração da Telecom Italia autorizou a direção da empresa analisar uma possível fusão entre sua unidade brasileira e a Oi, e anunciou que "os próximos passos, se houver algum, serão submetidos ao Conselho para aprovação".

Procurada, a TIM não comentou o tema.

Reportagem publicada nesta quarta-feira no jornal "Valor Econômico" afirmou que acionistas controladores da empresa de telecomunicações italiana decidiram na segunda-feira avançar em torno de uma oferta pela Oi, mas que a proposta ainda não teria sido fechada.

Segundo a fonte consultada pela Reuters, o presidente-executivo da Telecom Italia, Marco Patuano, deverá se encontrar com o novo ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini, nas próximas semanas, conforme noticiado pelo jornal.

"As visitas fazem parte da rotina operacional da companhia e ocorrem de duas a três vezes por ano. (...) O encontro com o novo ministro seria parte natural", disse, salientando que a reunião ainda não tem data para ocorrer.

(Por Luciana Bruno)