Tata Communications compra capacidade em sistema de cabo submarino entre Brasil e EUA

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015 07:33 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A indiana Tata Communications anunciou nesta segunda-feira investimento para a compra de significativa capacidade do sistema de cabo submarino da Seaborn Networks entre os Estados Unidos e o Brasil.

O projeto, denominado Seabras-1, deverá entrar em operação no quarto trimestre de 2016, disse a Tata Communications, afirmando em comunicado ser a dona e operadora da maior rede de cabos submarinos de fibra óptica do mundo.

"A América Latina é uma região emergente chave e crescente mercado no cenário mundial, e nosso investimento no Seabras-1 faz parte do nosso plano para melhorar as nossas ofertas para essa região", afirmou o vice-presidente sênior da Global Network Services, da Tata Communications, Genius Wong.

As empresas não detalharam valores para o negócio.

O Seabras-1 está sendo desenvolvido pela Seaborn a um custo aproximado de 500 milhões de dólares e usará tecnologia de ponta para oferecer serviços de banda larga e conectividade para uma das rotas transoceânicas de maior crescimento do mundo.

(Por Marcela Ayres)