LG Electronics diz que não há problema de superaquecimento em processador da Qualcomm

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015 09:44 BRST
 

SEUL (Reuters) - A fabricante sul-coreana de smartphones LG Electronics disse nesta quinta-feira que não encontrou problemas de superaquecimento no novo processador Snapdragon da Qualcomm que equipa um dispositivo de tela curva da companhia que começará a ser vendido no final deste mês.

"Eu estou muito ciente das várias preocupações do mercado sobre o (Snapdragon) 810, mas o desempenho do chip é bastante satisfatório", disse a jornalistas o vice-presidente da LG para o planejamento de produtos móveis, Woo Ram-chan, em um evento de imprensa sobre o smartphone G Flex2 da empresa.

O comentário veio depois da Bloomberg relatar um dia antes que a Samsung Electronics, maior fabricante de smartphones do mundo, decidiu não usar o novo processador da Qualcomm para seu próximo smartphone Galaxy S após o chip ter superaquecido durante teste. Samsung e Qualcomm se recusaram a comentar a notícia, que cita fontes não identificadas.

Woo, da LG, disse nesta quinta-feira que os testes internos para o G Flex2, equipado com o novo processador da Qualcomm, mostraram que o produto emite menos calor do que outros dispositivos existentes. O novo telefone deverá começar a ser vendido na Coreia do Sul em 30 de janeiro.