Apple fecha grande acordo em energia solar e tem valor de mercado ultrapassa US$700 bi

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015 10:08 BRST
 

Por Christina Farr e Nichola Groom

SAN FRANCISCO (Reuters) - A Apple comprará cerca de 850 milhões de dólares em energia de um novo parque solar na Califórnia para reduzir sua conta de eletricidade, anunciou a fabricante de iPhone na terça-feira enquanto seu valor de mercado ultrapassou os 700 bilhões de dólares pela primeira vez.

A usina First Solar, com capacidade para fornecer energia para 60 mil casas, será usada para fornecer eletricidade para o novo campus da Apple no Vale do Silício e seus outros escritórios e 52 lojas na Califórnia, disse o presidente-executivo, Tim Cook, numa conferência de tecnologia do Goldman Sachs em San Francisco.

Cook falou a investidores enquanto o valor de mercado da Apple fechava em 710,74 bilhões de dólares pela primeira vez, sustentado por vendas recordes de iPhones de telas maiores e um lucro no trimestre encerrado em dezembro que foi o maior na história da companhia.

A Apple já era a maior companhia de capital aberto do mundo em valor de mercado.

A usina em Monterey County, na Califórnia, também fornecerá energia para um centro de dados da Apple em Newark, também na Califórnia, que já usa energia solar.

(Por Christina Farr e Nichola Groom)