App chinês de contratação de carros Yidao Yongche dá pista sobre aliança com Uber

segunda-feira, 18 de maio de 2015 11:35 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - O aplicativo chinês de contratação de carros privados Yidao Yongche deu indícios sobre uma possível aliança com o Uber, a controversa empresa norte-americana de dólares de serviços de táxi avaliada em 40 bilhões e que tem encontrado repetidamente obstáculos regulatórios na China, o maior mercado de smartphones do mundo.

Em uma publicação na conta oficial no microblog Weibo no domingo, a Yidao Yongche publicou uma foto com a imagem de um coração conectando seu próprio logotipo com o da Uber, com a data "21 de maio de 2015" e a frase "é melhor ficarmos juntos" em chinês.

Uma porta-voz para o Uber na China e a Yidao Yongche não quiseram comentar sobre a publicação, nem dizer se algum anúncio está previsto para o dia 21 de maio.

Uma parceria pode ajudar as duas firmas a enfrentar o difícil mercado de contratação de carros da China. Ambas enfrentam incertezas regulatórias e dura concorrência de rivais com muito dinheiro, sendo que a Yidao Yongche está ficando para trás de rivais domésticas muito maiores.