Príncipe saudita diz que CEO interino do Twitter leva continuidade à empresa

segunda-feira, 15 de junho de 2015 09:36 BRT
 

RIAD (Reuters) - O príncipe da Arábia Saudita Alwaleed bin Talal, um dos primeiros investidores do Twitter, disse à Reuters acreditar que Jack Dorsey dará continuidade à empresa de rede social e o apoiará caso deseje se tornar presidente-executivo permanentemente.

Dorsey, cofundador do Twitter, foi nomeado chefe interino da empresa na última quinta-feira após o presidente-executivo Dick Costolo ter anunciado inesperadamente sua saída a partir de 1º de julho.

Em comunicado enviado à Reuters, Alwaleed disse que conhece Dorsey muito bem e que, como um dos fundadores da companhia, ele trará a necessária continuidade enquanto a empresa busca um novo presidente-executivo.

"Eu acrescento ainda que caso Dorsey deseje assumir o papel de presidente-executivo, e eu o apoio", disse Alwaleed.

Mais cedo, o Financial Times disse que Alwaleed tinha afirmado que Dorsey não deveria ficar no cargo permanentemente por conta de seus outros compromissos de trabalho.

(Por Angus McDowall)