7 de Janeiro de 2016 / às 19:13 / em 2 anos

Aliança entre Renault e Nissan planeja carros autônomos nos próximos 4 anos

Carlos Ghosn, presidente do conselho da aliança Renault-Nissan Alliance, discute o futuro dos veículos autônomos em Sunnyvale, Califórnia. 7 de janeiro de 2016.Noah Berger

SAN FRANCISCO (Reuters) - A aliança entre as montadoras Renault e Nissan lançará mais de 10 carros com tecnologia autônoma nos próximos quatro anos nos Estados Unidos, Europa, China e Japão, disse o líder da parceria nesta quinta-feira.

Veículos com tecnologia autônoma farão sua estreia este ano, disse Carlos Ghosn, presidente executivo da Renault e presidente do conselho da aliança Renault-Nissan. Os carros terão uma ferramenta chamada "controle de pista única" que permitirá que dirijam de maneira autônoma em rodovias sem trocar de pista.

A Renault-Nissan também lançará um aplicativo para dispositivos móveis este ano que permite aos usuários interagir remotamente com seus carros, por exemplo, controlando a música ou a temperatura do veículo.

Até 2018, Ghosn disse que a aliança começará a vender veículos com "controle de múltiplas pistas", o que significa que poderão trocar de faixa em estradas e navegar em tráfego pesado. Até 2020, a aliança terá carros que podem dirigir em cruzamentos e tráfego pesado nas cidades por si só.

A Renault-Nissan é uma parceria entre as equipes de engenharia da Renault, montadora sediada em Paris, e a japonesa Nissan. Elas ainda operam como empresas separadas.

Por Yasmeen Abutaleb

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below