Apple fica na defensiva sobre flexibilidade de iPhone 6 Plus

quinta-feira, 25 de setembro de 2014 19:13 BRT
 

(Reuters) - A Apple quebrou o silêncio sobre as reclamações em torno dos iPhones dobráveis, horas depois de retirar do ar a atualização de seu sistema operacional devido a falhas, enquanto a companhia luta para retomar seu ímpeto após o lançamento de seus mais novos celulares.

"Com uso normal, uma curvatura no iPhone é extremamente rara, e nos primeiros seis dias de vendas, um total de nove clientes contataram a Apple com iPhone 6 Plus com dobras", disse a porta-voz da Apple, Trudy Muller, em email.

As ações da Apple fecharam em queda de aproximadamente 4 por cento, a 97,87 dólares, nesta quinta-feira.

Os novos iPhones enfrentam críticas por sua inesperada flexibilidade, apelidada de "bendgate". As redes sociais e fóruns online encheram de comentários sobre como os novos telefones podem entortar quando colocados no bolso de trás, principalmente de calças justas.

A Apple disse que seus iPhones contam com aço inoxidável e inserções de titânio para reforçar a estrutura do aparelho e têm os vidros mais fortes da indústria de smartphones.

A única forma de um iPhone dobrar é se alguém o colocar no bolso de trás da calça e ficar sentado por um longo tempo, disse Laban Roomes, presidente-executivo da Goldgenie, que customiza iPhones em ouro.

A Apple foi forçada a tirar do ar uma atualização com problemas de seu mais novo sistema operacional depois que alguns usuários de seus novos telefones reclamaram de queda nas ligações.

"Pedimos desculpas pelo incoveniente causado aos usuários", disse Muller.

A Apple disse em seu site que estava trabalhando em uma atualização do iOS para consertar o problema, e irá lançá-la nos próximos dias.

(Por Arathy S Nair e Sam Adams em Nova York)