Samsung abre processo de arbitragem contra Microsoft após ação sobre royalties

terça-feira, 7 de outubro de 2014 13:52 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - A Samsung Electronics abriu um processo de arbitragem em Hong Kong contra a Microsoft nesta terça-feira, em meio a litígios correntes nos Estados Unidos acerca de royalties por patentes de smartphones.

A arbitragem foi revelada em um documento apresentado ao tribunal como parte de um processo que a Microsoft abriu em agosto no tribunal federal em Nova York, acusando a Samsung de se recusar a pagar royalties à Microsoft após a companhia de software ter anunciado sua intenção de comprar o negócio de aparelhos móveis da Nokia.

A Samsung disse que entrou com o pedido de arbitragem no escritório de Hong Kong da Corte Internacional de Arbitragem da Câmara de Comércio Internacional.

A arbitragem foi aberta sob os termos de um acordo de colaboração comercial "para resolver uma disputa acerca do cálculo de créditos de sucesso sob o acordo em questão", disse a Samsung.

Representantes da Samsung e da Microsoft não responderam de imediato a pedidos por comentários.

A arbitragem surge apenas dias depois da Microsoft ter entrado com uma queixa emendada em seu processo em Nova York, pedindo ao tribunal que julgue que a Microsoft não violou seu acordo de colaboração com a Samsung.

A Microsoft, na queixa, também busca uma decisão que exija que a Samsung pague 6,9 milhões de dólares em juros sobre mais de 1 bilhão de dólares em pagamentos de royalties que a empresa sul-coreana atrasou em protesto à transação com a Nokia.

(Por Nate Raymond)