Telefonica Deutschland irá cortar 18% da força de trabalho até 2018

sexta-feira, 17 de outubro de 2014 10:59 BRT
 

FRANKFURT (Reuters) - A operadora alemã de telecomunicações Telefonica Deutschland disse que vai cortar 18 por cento dos postos de trabalho em tempo integral para ajudar a obter economias de custo com a aquisição da rival E-Plus.

Confirmando uma notícia mais cedo da Reuters, a Telefonica Deutschland afirmou nesta sexta-feira que planeja se desfazer de 1.600 postos de trabalho de um total de 9.100 até 2018.

"As medidas previstas deverão contribuir para alcançar as sinergias anunciadas de mais de 5 bilhões de euros", disse em comunicado a Telefonica Deutschland, que é controlada pela espanhola Telefonica.

A Telefonica Deutschland comprou a E-Plus, unidade alemã da holandesa KPN, por 8,6 bilhões de euros (11 bilhões de dólares) para criar a maior operadora de telecomunicações da Alemanha em termos de clientes. Seu objetivo é ter mais musculatura em uma batalha com a Vodafone e a T-Mobile, da Deutsche Telekom.

Diante de demandas para investir em redes mais rápidas, grupos de telecomunicações europeus dizem que precisam ficar maiores para lidar com a situação, depois de cinco anos de queda de receita.

Eles dizem que a fragmentação do mercado na região - que tem mais de 100 grupos fixos e móveis em comparação com cerca de uma dúzia nos Estados Unidos - leva a guerras de preços e serviço de pior qualidade para os consumidores.

(Por Peter Maushagen e Harro ten Wolde)