Vendas e previsões da Amazon decepcionam e ações despencam

quinta-feira, 23 de outubro de 2014 19:06 BRST
 

SAN FRANCISCO (Reuters) - As projeções de vendas da Amazon.com para o fim do ano e os resultados do terceiro trimestre decepcionaram o mercado, fazendo as ações da varejista online caírem 9 por cento.

Alguns analistas temem que a temporada de compras natalinas dos Estados Unidos, a maior do ano para a maioria dos varejistas, pode vir mais fraca que o previsto.

A empresa projetou nesta quinta-feira vendas líquidas de 27,3 bilhões a 30,3 bilhões de dólares para o quarto trimestre, ante 30,89 bilhões de dólares da previsão média de analistas.

Após um primeiro semestre de atividade incomum da varejista, devido a maiores gastos, os investidores estavam preparados para vê-la reduzir suas ambições um pouco e começar a oferecer lucros sustentáveis​​.

Ao contrário, a Amazon teve prejuízo líquido do trimestre elevado para 437 milhões de dólares, ou 0,95 dólar por ação, ante 41 milhões dólares (0,09 dólar por ação) um ano antes. O dado foi maior que a previsão média de prejuízo de 0,74 dólar por ação feita por analistas.

A receita também ficou aquém das expectativas, de uma empresa conhecida por mostrar robusto crescimento. As vendas líquidas subiram para 20,58 bilhões de dólares, ante previsão de 20,84 bilhões de dólares, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

As ações da empresa caíram mais de 9 por cento, para 284 dólares no pregão eletrônico.

(Reportagem de Deepa Seetharama)

((Tradução Redação São Paulo; + 55 11 5644-7712))

REUTERS AAP LB