Positivo Informática reverte prejuízo e lucra de R$13,5 mi no 3º tri

segunda-feira, 10 de novembro de 2014 19:58 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A fabricante de computadores Positivo Informática teve lucro líquido de 13,5 milhões de reais no terceiro trimestre, frente a resultado negativo de 18,9 milhões de reais no mesmo período do ano passado, informou nesta segunda-feira.

As vendas no terceiro trimestre totalizaram 665,6 mil PCs e tablets sob as marcas Positivo e Positivo BGH, queda de 3 por cento em relação ao mesmo período de 2013. A venda de desktops subiu 9,8 por cento e a de tablets, 10,6 por cento, enquanto a de notebooks caiu 10,3 por cento no período.

A empresa teve retomada das vendas de PCs e tablets no varejo (alta de 7,2 por cento) e no corporativo (avanço de 12,2 por cento). Já a venda de smartphones subiu 437,1 por cento, praticamente todo o volume realizado no varejo.

"A conjuntura do mercado foi satisfatória, em linha com as expectativas da companhia", disse a empresa em seu relatório de resultados.

De acordo com a Positivo, houve sutil melhora no varejo, com aumento da demanda dos consumidores por dispositivos de hardware, após um primeiro semestre lento em razão da Copa do Mundo, que desviou o foco das redes para a venda de TVs.

A receita líquida da empresa atingiu 534,3 milhões de reais no período de julho a setembro, queda de 3,2 por cento ano contra ano.

O Ebitda (sigla em inglês para lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi de 23,2 milhões de reais, avanço de 53,5 por cento ano contra ano.

Para o quarto trimestre, a empresa espera o maior faturamento do ano, considerando a sazonalidade do varejo e a retomada das entregas a governo.

"Adicionalmente, a companhia deverá realizar seu melhor trimestre em vendas de telefones celulares, beneficiando-se de maiores pedidos no varejo e do início das entregas no mercado de operadoras", disse.   Continuação...