Samsung contra-ataca Nvidia com processo sobre patentes de chips

quarta-feira, 12 de novembro de 2014 10:56 BRST
 

SAN FRANCISCO (Reuters) - A Samsung Electronics acusou a Nvidia de infringir várias de suas patentes relacionadas a chips e de fazer alegações falsas sobre seus produtos, abrindo processo contra a Nvidia depois de esta ter entrado com uma ação contra a companhia sul-coreana em setembro.

A Samsung, que entrou com o processo em um tribunal federal nos Estados Unidos em 4 de novembro, busca indenizações por violação deliberada de várias patentes técnicas, incluindo algumas que direcionam a forma como semicondutores armazenam e usam dados.

Maior fabricante de smartphones do mundo, a empresa sul-coreana também acusa a Nvidia de fazer publicidade enganosa ao alegar que seu tablet "Shield" tem o processador móvel mais rápido do mundo, o Tegra. A Samsung cita estudos comparativos feitos por pesquisadores da Primate Labs como provas de que a alegação é falsa.

"Estamos perseguindo as medidas legais necessárias para defender nossos direitos de propriedade intelectual e para assegurar a continuidade de nosso crescimento na indústria de Tecnologia da Informação", disse a Samsung Electronics em um comunicado por email.

O processo da Samsung surge após a Nvidia ter acusado a companhia asiática e a rival Qualcomm de terem infringido patentes sobre suas unidades de processamento de gráficos (GPUs, na sigla em inglês).

A Nvidia disputa com a Qualcomm o negócio de fornecimento de chips para smartphones e tablets. A fabricante de chips norte-americana disse em setembro que a Qualcomm e a Samsung usaram tecnologias patenteadas pela Nvidia sem licença nos dispositivos móveis da Samsung, incluindo os recém-lançados Galaxy Note 4 e Galaxy Note Edge.

(Por Noel Randewich)