Uber mantém negociações para emitir mais de US$1 bi em dívida conversível, diz fonte

sexta-feira, 5 de dezembro de 2014 12:03 BRST
 

(Reuters) - O Uber está em negociações para emitir mais de 1 bilhão de dólares em dívida conversível, disse uma fonte familiarizada com o assunto, logo após o serviço norte-americano de táxi ter divulgado a captação de 1,2 bilhão de dólares em sua última rodada de financiamento.

O novo financiamento, que avalia a empresa em 40 bilhões de dólares, e a captação anterior de 1,2 bilhão de dólares deram ao Uber mais flexibilidade em relação ao momento certo para sua oferta pública inicial de ações (IPO), disse a fonte.

A dívida vai ser convertida em ações com um desconto de cerca de 20 a 30 por cento do preço de IPO, disse a fonte, acrescentando que os descontos aumentam após um ano se o Uber não se tornar uma empresa pública.

"Acabamos de levantar uma rodada de financiamento de 1,2 bilhão de dólares, com capacidade adicional restante para investimentos estratégicos", disse o presidente-executivo da companhia, Travis Kalanick, em mensagem publicada no blog da empresa.

Kalanick não deu detalhes sobre o financiamento nem disse quem fez o investimento na empresa, que conta com Goldman Sachs e Google Ventures entre seus investidores.

O executivo afirmou na mensagem que os recursos permitirão à empresa fazer investimentos principalmente na região Ásia-Pacífico.

O Uber foi avaliado em 18,2 bilhões de dólares em junho, quando levantou 1,2 bilhão de dólares junto a fundos mútuos e outros investidores, que incluíram a BlackRock.