CEO da Vivendi não descarta aumentar participação na Telecom Italia

quarta-feira, 8 de julho de 2015 08:12 BRT
 

ROMA (Reuters) - O presidente-executivo da Vivendi disse nesta quarta-feira que estava satisfeito com a fatia do grupo francês na Telecom Italia, mas que não descarta um aumento dessa participação na empresa italiana no futuro.

No último mês, a Vivendi aumentou sua fatia para pouco menos de 15 por cento do total, substituindo a Telefónica como maior acionista do grupo de telefonia e ganhando um ponto de partida em um país que segundo a empresa tem significativas perspectivas de crescimento.

"Estamos felizes (com nossa participação), mas diz o ditado: nunca diga nunca", declarou o presidente-executivo da Vivendi, Arnaud De Puyfontaine, a jornalistas em Roma.

Quando perguntado se a Vivendi estaria buscando dois assentos no Conselho de Administração da Telecom Italia, De Puyfontaine disse que a companhia não fez nenhum pedido formal. Ele também disse que a Vivendi estava atualmente focada na Telecom Italia, rejeitando especulações de um possível interesse na emissora Mediaset.

(Por Alberto Sisto e Agnieszka Flak)