Chinesa Tsinghua prepara oferta de US$23 bi por fabricante de chips dos EUA

terça-feira, 14 de julho de 2015 15:00 BRT
 

PEQUIM/SAN FRANCISCO (Reuters) - O conglomerado chinês Tsinghua Unigroup está preparando uma proposta de 23 bilhões de dólares pela fabricante de chips norte-americana Micron Technology, no que seria a maior aquisição chinesa de uma companhia dos Estados Unidos, disseram pessoas familiares com o assunto.

O conglomerado de tecnologia está preparado para oferecer 21 dólares por ação pela Micron, um prêmio de 19,3 por cento sobre o fechamento do papel na segunda-feira. A oferta poderia ocorrer no já na quarta-feira, disse à Reuters um pessoa próxima à Tsinghua, embora um porta-voz da Micron tenha dito que a empresa não recebeu uma oferta.

Uma oferta bem sucedida deve consolidar a posição do Tsinghua Unigroup como campeão chinês de desenvolvimento de tecnologia, depois de fechar vários negócios e parcerias de pesquisa com empresas internacionais na indústria de semicondutores.

A empresa é controlada pela Universidade de Tsinghua, em Pequim, que tem entre seus ex-alunos o presidente Xi Jinping, e conta com o apoio do governo central da China.

(Por Sneha Banerjee em Bengaluru, Noel Randewich e

Peter Henderson em San Francisco, e Paul Carsten e Gerry

Shih em Pequim)