Twitter precisa ampliar seu portfólio e ser franco não é o suficiente

quarta-feira, 29 de julho de 2015 14:42 BRT
 

(Reuters) - O criticismo do presidente-executivo interino do Twitter, Jack Dorsey, sobre os esforços da companhia em conquistar novos usuários pode ser apenas o primeiro passo para resolver seus problemas de longa data, mas ser franco não é o suficiente.

Para gerar crescimento de ganhos de longo prazo e satisfazer investidores, o Twitter precisa ampliar seu portfólio e criar um ecossistema de produtos similar aos do Google e do Facebook.

Analistas de Wall Street tiveram uma visão sombria do comentário da gestão em uma teleconferência após resultados na terça-feira e pelo menos quinze corretoras cortaram seu preço alvo do Twitter para 30 dólares - 18 por cento abaixo do fechamento de terça-feira de 36,54 dólares.

Os investidores foram mais duros e as ações do Twitter caíram 12 por cento, para 32,15 dólares, em negociações pré-mercado, começando a apagar quase 3 bilhões de dólares do valor de mercado da companhia.

Dorsey alertou, na terça-feira, que é improvável que a companhia veja um crescimento sustentável significativo em usuários ativos mensalmente (MAU, na sigla em inglês) até que consiga alcançar o mercado de massas, após reportar o crescimento mais lento em MAU desde que foi a público em 2013.

"Na essência, deve passar de uma companhia com um só produto para um ecossistema e isso irá requerer uma transição radical na estratégia da companhia hoje", disse Richard Windsor, analista da consultoria Edison Investment Research.

(Por Abhirup Roy e Tenzin Pema)